O contrato de trabalho intermitente na reforma trabalhista brasileira. Contraponto com o modelo italiano