Travessias do pos-tragico. Os dilemas de uma leitura do Brasil